Diferenças

Aqui você vê as diferenças entre duas revisões dessa página.

nossa_historia [2011/06/24 02:33]
olive não podemos esquecer as meninas :)
nossa_historia [2012/05/25 15:25] (atual)
olive
Linha 24: Linha 24:
Foi realizado um "concurso de logotipos" para o grupo, chegando a ter mais de 20 propostas. O logo atual saiu da junção de duas propostas do membro "Batatah", segundo uma longa discussão e votação pelo IRC. O interessante do logo é que ele acabou dando a idéia do grupo ter um "mascote", o Bugre, um representante dos conhecidos bugs de software porém reaproveitando o termo usado para identificar várias populações indígenas do Brasil. Foi realizado um "concurso de logotipos" para o grupo, chegando a ter mais de 20 propostas. O logo atual saiu da junção de duas propostas do membro "Batatah", segundo uma longa discussão e votação pelo IRC. O interessante do logo é que ele acabou dando a idéia do grupo ter um "mascote", o Bugre, um representante dos conhecidos bugs de software porém reaproveitando o termo usado para identificar várias populações indígenas do Brasil.
-Depois de escolhido o logotipo, o membro Edinei Cipriani organizou a produção de uma primeira leva de camisetas do grupo, com o intuito de divulgá-lo durante o FISL de 2010, que aconteceu em Julho. Os membros do grupo que foram ao FISL lá participaram do stand do TcheLinux e aproveitaram para divulgar um pouco o novo grupo local. Foram estabelecidos alguns laços importantes, como por exemplo com o pessoal do Solisc, uma associação que atua mais na região leste do estado e funciona como a Associação Software Livre do RS, que organiza o FISL.+{{  :logo-oesc-livre-final-sem-url-medio.png|Logo atual do OeSC-Livre, com a mascote Bugre}} Depois de escolhido o logotipo, o membro Edinei Cipriani organizou a produção de uma primeira leva de camisetas do grupo, com o intuito de divulgá-lo durante o FISL de 2010, que aconteceu em Julho. Os membros do grupo que foram ao FISL lá participaram do stand do TcheLinux e aproveitaram para divulgar um pouco o novo grupo local. Foram estabelecidos alguns laços importantes, como por exemplo com o pessoal do Solisc, uma associação que atua mais na região leste do estado e funciona como a Associação Software Livre do RS, que organiza o FISL.
Foram identificados muitos palestrantes naquele FISL que tinham origens (ou mesmo ainda residiam) no Oeste Catarinense, portanto foi criada a idéia de organizarmos um evento aqui no oeste reutilizando as várias palestras do FISL apresentando-as para o público local. O Prof. Tiago Zonta, coordenador dos cursos de computação da UNOESC em Chapecó, organizou um evento com este fim no final de Outubro de 2010. O evento foi muito bom, contando com profissionais conhecidos na região, como Elton Minetto, Darlan Segalin, e Jean Carlos Hennrichs, tendo como público muita gente de várias cidades e muita divulgação da proposta do OeSC-Livre. Foram identificados muitos palestrantes naquele FISL que tinham origens (ou mesmo ainda residiam) no Oeste Catarinense, portanto foi criada a idéia de organizarmos um evento aqui no oeste reutilizando as várias palestras do FISL apresentando-as para o público local. O Prof. Tiago Zonta, coordenador dos cursos de computação da UNOESC em Chapecó, organizou um evento com este fim no final de Outubro de 2010. O evento foi muito bom, contando com profissionais conhecidos na região, como Elton Minetto, Darlan Segalin, e Jean Carlos Hennrichs, tendo como público muita gente de várias cidades e muita divulgação da proposta do OeSC-Livre.
Navegação
Ferramentas